Como acabar com a papada?

EM: 22 de agosto de 2017

Delineare_Como acabar com a papada 2

Alguma vez você já se olhou no espelho ou tirou uma foto e se incomodou com aquele excesso de pele abaixo do queixo, a conhecida (e odiada), papada? Tudo bem! Saiba que essa é uma queixa muito frequente entre as mulheres, mas que pode ser amenizada com cirurgia e tratamentos estéticos.

 

LIPO

Uma das opções que existe atualmente é a lipoaspiração na papada. Sim, isso mesmo! É indicada para pessoas mais jovens, que apresentam acúmulo de gordura local, mas não tem flacidez predominante. Importante frisar que esse procedimento deve ser feito em centro cirúrgico sob anestesia local.

 

CIRURGIA

Já a cirurgia é indicada para casos onde há flacidez na região. É associada ao lifting facial, reposicionando as estruturas da face e do pescoço. Assim é possível obter um visual mais jovem. A diferença entre a lipo e a cirurgia é que a segunda deixa uma cicatriz um pouco maior, mas que geralmente fica em um lugar estratégico para aparecer o mínimo possível.

 

LASER E RADIOFREQUÊNCIA

Se você é jovem, está nos seus 40 e poucos anos, e mesmo assim já se incomoda com a papada, saiba que tem, sim, como melhorar a flacidez inicial na região com sessões de laser e radiofrequência. Essas técnicas ajudam a tornar a pele mais firme, pois aumentam a circulação do sangue na região e estimulam a formação de colágeno.

 

Tags

Categorias

Comentários

Técnicas para acabar com as rugas

EM: 9 de agosto de 2017

Delineare_Tecnicas para acabar com as rugas 2

Atualmente existem diversos recursos, tecnologias e procedimentos para quem não quer entregar a idade deixando as ruguinhas à mostra. Uma das técnicas mais procuradas é a ritidoplastia, ou lifting facial, que reduz a flacidez, as rugas e excesso de gordura da face e pescoço. Não é à toa que é uma das cirurgias mais realizadas no mundo.

 

COMO FUNCIONA?

As incisões são feitas em locais estratégicos para camuflar ao máximo as cicatrizes. As técnicas utilizadas conferem um resultado mais natural, rejuvenescendo a face sem parecer que a pessoa passou por uma operação. O resultado pode ser percebido entre quatro e seis semanas após o procedimento, pois a pele se recupera rapidamente.

 

A cirurgia levanta regiões que estão caídas e melhora sinais do envelhecimento do rosto. Portanto, na minha experiência, é possível dizer que o paciente percebe um visual 10 anos mais jovem após o procedimento.

 

QUANDO FAZER?

Isso está mais relacionado à qualidade da pele do que à faixa etária. Digamos que quanto mais danificada a pele está, melhor o resultado. É claro que não existem milagres e a cirurgia não é capaz de interromper o processo do envelhecimento, mas vale para aumentar a autoestima. Uma plástica faz com que a mulher se sinta mais bonita e poderosa ao se olhar no espelho.

 

UP A MAIS

Muitos pacientes acabam aproveitando a ritidoplastia e fazem também a cirurgia endoscópica frontal, que reposiciona as sobrancelhas, a blefaroplastia, que melhora o aspecto das pálpebras e também a bichectomia, que diminui o tamanho das bochechas.

 

Além disso, a utilização do Botox®, preenchimento facial e laser também são indicados para combater os sinais do envelhecimento. O preenchimento, por exemplo, pode ser feito antes dos 30, se a paciente tiver alguma imperfeição e a indicação profissional for favorável.

 

Tags

Categorias

Comentários

Já ouviu falar em vibrolipoaspiração?

EM: 26 de julho de 2017

Sport, fit woman. Female with perfect abdomen muscles on grey background. Dieting, fitness, active lifestyle concept, copy space

Quem está pensando em fazer uma cirurgia plástica às vezes se depara com dúvidas e diversas nomenclaturas para um procedimento, não é? Atualmente uma variação que tem chamado bastante a atenção das mulheres é a vibrolipoaspiração, que não é uma nova técnica, e sim um aparelho que auxilia o cirurgião na hora de realizar o procedimento.

 

Com a vibrolipo a cirurgia acontece de forma mais rápida e o médico tem mais precisão para aspirar a gordura. O que a paciente ganha com isso? Se o profissional está melhor equipado,  consegue lipar de forma mais homogênea e com maior controle, alcançando melhores resultados.

 

QUAIS AS DIFERENÇAS?

A principal diferença entre a lipoaspiração convencional e a vibrolipoaspiração é que na segunda são utilizadas cânulas finas e um mecanismo vibratório para aspirar a gordura. Além disso, a recuperação do paciente tende a ser mais rápida e a cirurgia menos invasiva.

 

Já no pós-operatório o paciente deve seguir as mesmas recomendações de uma lipoaspiração, como fazer o uso da cinta elástica, realizar sessões de drenagem linfática e respeitar as orientações médicas.

Tags

Categorias

Comentários

Tudo sobre cirurgias minimamente invasivas

EM: 14 de julho de 2017

cirurgia minimamente invasiva

Certamente você já ouviu falar em cirurgia plástica minimamente invasiva. Essa técnica consiste em cortes pequenos e pode ser utilizada para obter um rosto mais jovem, abdômen lisinho, entre outras mudanças.

 

Além de reduzir o tempo e as marcas da cicatrização, esse tipo de cirurgia diminui os efeitos do pós-operatório. Ou seja, ideal para dar aquela levantada no visual sem ficar muito tempo se recuperando. Uma das operações mais buscadas atualmente são as cirurgias plásticas endoscópicas. O método não é exatamente uma novidade – existe no mercado desde os anos 90 – mas a tecnologia avançou consideravelmente nos últimos anos, promovendo benefícios à ciência e aos pacientes.

 

As cirurgias são realizadas através de micro incisões, ou seja, pequenos cortes que resultam em um trauma menor do que o de uma cirurgia comum, além de promover um resultado muito mais natural.

 

Ao corrigir imperfeições na face, por exemplo, o método é bastante eficaz, geralmente realizado com a ajuda de vídeo endoscópico. A cirurgia plástica endoscópica também pode ser utilizada para prótese de mama e de glúteo, além da correção do mini abdômen, sobrancelhas caídas, rugas e linhas de expressão. Para as cirurgias faciais, as incisões não possuem mais do que 1 cm.

 

VANTAGENS

 

– Poucas horas depois da cirurgia o paciente já se sentirá confortável para levantar da cama

– Reduz os sintomas do pós-operatório e é possível adiantar a volta às atividades normais

– O período de internação é mais breve

– As cicatrizes são pequenas e geralmente ficam em lugares escondidos do corpo

 

Tags

Categorias

Comentários

Como recuperar a jovialidade dos lábios?

EM: 30 de junho de 2017

labios jovens

Quem não quer parecer mais jovem por mais tempo? É o desejo da maioria das pessoas! Porém, com o passar dos anos, o perfil facial vai mudando consideravelmente. Por quê? Pela perda de colágeno, diminuição da produção celular, alterações hormonais, entre outros fatores. Mas, para nossa alegria, atualmente existem milhares de soluções para retardar ao máximo o envelhecimento e ter uma aparência mais jovem.

 

Algo que incomoda muito as mulheres são lábios envelhecidos e pele flácida ao redor da boca, que confere um aspecto cansado à pessoa. Mas como resolver essa questão? Preenchedores faciais. O mais utilizado atualmente é o ácido hialurônico, que já está presente no corpo, mas com o passar dos anos vai sendo reduzido.

 

COMO FUNCIONA?

O tratamento é rápido, feito em consultório e com anestesia. É utilizada uma agulha fina para aplicar o produto. O volume deve ser avaliado em conjunto com o profissional, lembrando que o primordial é prezar pela naturalidade. A técnica não é permanente e dura cerca de 12 meses, mas a grande vantagem é que o procedimento permanece favorecendo o estímulo de colágeno, tornando a pele mais elástica e hidratada.

 

NÃO É BOTOX

Muitas pessoas confundem o ácido hialurônico com Botox. Porém, é importante ressaltar que os dois procedimentos são diferentes. O ácido é indicado repor volume, e é feito na derme. Já o Botox trata o músculo e, por isso, deve ser evitado nos lábios para não causar assimetria.

 

Tags

Categorias

Comentários

Lipoaspiração x lipoescultura

EM: 14 de junho de 2017

Workout and sport. Woman in gym

Cá entre nós: você já pensou em fazer uma lipoaspiração, não é? A cirurgia é uma das mais procuradas pelas brasileiras há anos para retirar as gordurinhas que tanto incomodam e que até com exercícios físicos e boa alimentação insistem em não ir embora! Mas um questionamento muito comum entre as mulheres é a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura. Explico cada uma delas para que você possa entender qual é a mais indicada para obter o resultado que procura.

 

LIPOASPIRAÇÃO

Essa técnica é recomendada para quem quer retirar os excessos de gordura de algumas regiões do corpo, como abdômen, coxas e braços. E, como o nome já diz, a cirurgia aspira a gordura do local desejado e a elimina do corpo.

É indicada para quem tem gordura localizada, mas é preciso entender que ela não serve para quem quer emagrecer, e sim para esculpir uma área do corpo. Aspiramos células de gordura da região específica, mas a paciente que quer emagrecer precisa cuidar da alimentação e levar uma vida saudável além de realizar o procedimento

 

LIPOESCULTURA

Se a lipoaspiração aspira gordura, o que a lipoescultura faz? Além de retirar, enxertamos gordura em outras áreas que precisam de preenchimento ou correção de defeitos. Verifica-se onde pode aumentar o volume e é realizada uma remodelagem superficial da pele. Geralmente aumentamos bumbum e prezamos sempre pela naturalidade. A grande vantagem desse procedimento é que, como a gordura utilizada é do próprio corpo, não há chance de rejeição.

 

MAS COMO EU ESCOLHO?

Para saber qual é mais indicada para você só tem um jeito: consultando um especialista para uma avaliação. Assim, alinhamos as expectativas e entendemos qual é a melhor opção para chegar ao resultado desejado. Quando há flacidez de pele, por exemplo, talvez nenhum dos procedimentos seja o mais indicado.

 

Tags

Categorias

Comentários

Cirurgia plástica no inverno

EM: 31 de maio de 2017

Cirurgia plastica no inverno

A temperatura já diminuiu aqui em Curitiba! E o clima mais ameno é ideal para quem quer realizar uma plástica. Não é à toa que percebemos um aumento na busca por procedimentos no outono e inverno. As cirurgias mais procuradas são abdominoplastia, mamoplastia, lipoaspiração e procedimentos na face.

 

POR QUE A PROCURA NOS DIAS MAIS FRIOS?

– Mais tempo para se recuperar quando o verão chegar

– Possibilidade de evitar a exposição solar e seus efeitos nocivos no pós-operatório

– É mais agradável usar os acessórios pós-cirúrgicos, como malhas elásticas, sutiã modelador e cintas

– A cicatrização fica mais fácil

– Menos edemas (inchaços), pois têm relação com a retenção de líquido, que é mais comum no verão

 

Mas é importante lembrar que, independentemente da época escolhida para o procedimento, a escolha do médico é imprescindível. Opte sempre por profissionais membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Tags

Categorias

Comentários

Cuidados e exercícios após uma plástica

EM: 10 de maio de 2017

exercicios

Deseja mudar algo em sua aparência? Seja lipoaspiração, silicone, nariz, entre outras plásticas disponíveis, é importante saber que ter cuidados específicos após uma intervenção cirúrgica pode garantir um resultado ainda melhor. Além disso, se você tem uma rotina de exercícios, saiba quando poderá voltar a praticar.

 

QUAIS CUIDADOS É PRECISO TER APÓS UMA CIRURGIA?

 

– Sim, é verdade que não se deve tomar sol depois de passar por uma plástica. O período depende da cirurgia realizada, mas tenha em mente que o sol pode prejudicar os resultados

– Use os modeladores pelo tempo determinado pelo médico

– Faça drenagens linfáticas, pois é muito comum sofrer com inchaços

– Tenha uma boa alimentação e repouse. Não tente apressar as coisas!

– Não fume. O cigarro dificulta a cicatrização e pode causar necrose das células.

– Acima de tudo, lembre-se: estes cuidados vão ajudar a alcançar o resultado desejado

 

 

QUANDO VOLTAR A SE EXERCITAR?

Isso depende do tipo do procedimento que foi realizado. A atividade física é importante, quando realizada corretamente, para ajudar na recuperação pós-operatória. Converse com seu médico, pergunte como deve voltar a se exercitar e respeite as recomendações. Após uma plástica nas mamas, por exemplo, geralmente com duas semanas já é possível fazer uma caminhada, e somente após 90 dias realizar atividades para membros superiores.

 

Tags

Categorias

Comentários

Silicone x amamentação: atrapalha?

EM: 26 de abril de 2017

Silicone e amamentacao 2

Provavelmente você já ouviu alguma mulher dizendo que não conseguiu amamentar porque colocou prótese de silicone nos seios. Mas será que isso é verdade mesmo ou é um mito?

 

PODE AMAMENTAR?

Não é à toa que uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelas brasileiras é para aumentar o tamanho dos seios. A prótese pode, sim, aumentar a autoestima. Se você se sente desconfortável com o volume natural e está pensando em fazer o procedimento, pode ficar tranquila! Colocar silicone não atrapalha em nada a amamentação. Isso é um mito.

 

Colocamos a prótese bem profunda, aí não há problema algum. O silicone fica atrás da glândula mamária e isolado dentro de uma cápsula, por isso não há contato direto com o organismo e o leite materno é produzido de forma natural.

 

E A MAMOPLASTIA?

Só colocar silicone não afeta a amamentação. Porém, o que pode vir a causar alguma interferência é quando a mulher realiza uma mamoplastia, que pode gerar uma lesão nos ductos na hora de refazer a mama. Por isso, se você tem alguma dúvida, procure um profissional e saiba qual tipo de procedimento é mais indicado para você.

 

Tags

Categorias

Comentários

Cirurgia plástica em adolescentes. Deixar ou não?

EM: 19 de abril de 2017

Cirurgia plástica em adolescentes

É difícil encontrar um adolescente que esteja totalmente satisfeito com seu corpo. Por isso, se sua filha (ou filho) sofre demais com algo específico em sua aparência pode ser que você se sinta perdido, sem saber o que fazer. Diversas pesquisas mostram o aumento da procura de jovens por uma cirurgia plástica. Mas como saber se é a melhor opção?

 

Alguns procedimentos podem sim ser realizados em crianças, como é o caso da conhecida “orelha de abano”, que pode ser feita a partir dos 7 anos de idade. Entretanto, fique atento, a maioria das intervenções cirúrgicas só podem ser realizadas após os 17 anos.

 

MATURIDADE FÍSICA E PSICOLÓGICA

É muito importante que a menina, principalmente, espere seu corpo se desenvolver antes de buscar uma mudança. Temos que esperar ela se tornar adulta e psicologicamente mais madura.

 

Toda mãe de adolescente sabe que uma das maiores características dessa fase é o imediatismo. Eles querem tudo para ontem! Por isso, é importante consultar um médico, sempre acompanhado dos pais, para realizar uma avaliação.

 

INDICAÇÕES

Cada caso é um caso. Tudo depende da área do corpo a ser operada, da idade e maturidade do adolescente.

 

Confira as idades de algumas das plásticas mais procuradas:

 

Orelha de abano – a partir dos 7 anos

Nariz – a partir dos 17 anos

Prótese de silicone – a partir dos 17 anos

Redução de mama – a partir dos 16 anos

Lipoaspiração – a partir dos 17 anos

Abdominoplastia – não deve ser realizada antes de a mulher ter filhos

 

Tags

Categorias

Comentários

Página 1 de 41234

Viverno digital

Loading...